urevtalkspt

Como o desejo pode produzir morte l @urev


" Um homem que permite que seus pensamentos sejam levados em caminhos distintos, verá seus pés sendo levado como as correntes do oceano. Se seus olhos se fixarem em determinadas coisas, gerarão desejo. No entanto, o homem que tem a sua vida rendida a Cristo não dá espaço para desejos carnais. Uma mente ociosa e um coração descomprometido tornam um homem vulnerável. O desejo, eventualmente, se tornará ação. Assim como um deslizamento de terra, o pecado será a sua noiva e a morte o seu filho".

Em Colossenses 3:1-5 diz: “Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus. Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas. Pois vocês morreram, e agora a sua vida está escondida com Cristo em Deus. Quando Cristo, que é a sua vida, for manifestado, então vocês também serão manifestados com ele em glória. Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria”.

Como podemos, então, viver uma vida ansiando pelas coisas que vêm do Alto que trazem vida, e não pelos desejos carnais que trazem à morte!?


  1. Desejo para viver em Santidade
Uma vida de rendição à Palavra de Deus gerará em nós desejo santo, enquanto uma vida de pecado gerará morte espiritual.

À medida que nos aproximamos do Senhor em intimidade e devoção na Palavra, somos forticados e limpos, e o desejo pelas coisas dessa Terra tornam-se vazios comparado a uma vida em santidade.

Deus deseja que sejamos tão dedicados a Ele ao ponto de termos a plena revelação de quem Ele é. Assim toda impureza é exposta à luz da Sua Palavra e seremos cada vez mais limpos e restaurados conforme permitimos que a verdade da Palavra inunde e transforme nossas vidas.

2. Avaliação diária do seu coração.
“Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”. Romanos 12.2

Você tem o hábito de se avaliar constantemente? Uma pessoa que não se avalia, não se arrepende. Uma pessoa que não se arrepende, é cheia de orgulho. E uma pessoa cheia de orgulho, não agrada ao Senhor.

Se queremos e desejamos viver uma vida em santidade, precisamos ter um coração que se entrega e se arrepende diariamente. Sem arrependimento, não há transformação de vida. Que você possa hoje, com a Palavra de Deus, medir cada parte do seu coração e avaliar bem se você vive uma vida que busca os desejos da carne ou que busca o que vem do Alto (uma vida de santidade).

Peça ajuda ao Espírito Santo para trazer à superfície do seu coração tudo o que não presta, tudo que, até hoje, te faz viver uma vida presa ao pecado. Renove sua mente com o poder da Palavra e decida viver diariamente buscando as coisas que são do Alto!

3. Tire do papel e coloque na prática.
Coloque aquilo que você estuda na Palavra em prática! Suas atitudes revelarão seus resultados.
Para onde você tem ido? O que tem ouvido ou assistido? Com quem você tem andado? Você tem alimentado mais sua carne ou seu espírito? No final do dia, quem você mais alimenta é quem terá o controle da sua vida.

“O homem é responsável pelo pecado que produz na sua vida e pelos desejos malignos não tratados. Eles não teriam poder se não pudessem ser alimentados, por o desejo ser algo que podemos nutrir e alimentar. Um homem pode controlar e até eliminar os desejos malignos, mas é preciso lidar com eles”.

--------------------------------------------------------------------
Reach out to UREV: